07.03.2018
Dia Internacional da Mulher: Assembleia entrega o Troféu Mulher Cidadã
Sessão Solene marca o início de atividades alusivas ao Mês da Mulher no Parlamento gaúcho

Concedido anualmente pela Assembleia Legislativa a personalidades femininas que se destacaram em diversas áreas, o Troféu Mulher Cidadã será entregue no dia 7 de março, às 14 horas, em Sessão Solene, no Plenário 20 de Setembro, marcando o início da programação alusiva ao Mês Internacional da Mulher.

Os nomes das mulheres foram indicados pelas bancadas partidárias com acento no Legislativo gaúcho para concorreram à distinção, que está na sua 21ª edição. As agraciadas foram contempladas a partir de deliberação das deputadas estaduais mulheres, com a homologação da Mesa Diretora da Casa.

Agraciadas da 21ª edição do Prêmio Mulher Cidadã
Na categoria Defesa dos Direitos da Mulher e Combate à Violência contra a Mulher, a agraciada é a bacharel em Direito e Ciências Sociais e especialista em Direitos Humanos, Lorecinda Ferreira Abrão. Ingressou na Guarda Municipal de Porto Alegre em 2002, instituição que viria a comandar em 2009, sendo a primeira mulher negra a ocupar a função. Ativista dos direitos humanos, integrou o Conselho Municipal de Assistência Social, e integra o Conselho Municipal de Direitos Humanos e o Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência. É voluntária, desde 2008, da ONG Angola Janga, ONG Grupo de Arte, Dança e Expressão do Negro – GADEN e integra a Rede Afrogaúcha de Profissionais do Direito.

A professora universitária Nara Martini Bigolin receberá o troféu na categoria Educação da Mulher. Com graduação em Computação (PUC/RS), Mestrado em Computação (UFRGS) e Doutorado em Computação na Université de Paris VI, é docente em várias universidades da França e do Brasil. Atua na área da Inteligência Artificial e Desigualdade de Gênero nas Ciências Exatas. É coordenadora do projeto Meninas Olímpicas do Brasil. Todos os seus projetos têm como objetivo evitar a exclusão de meninas no protagonismo nacional e melhorar a educação pública no Brasil.

Helenir Aguiar Schurer, professora e presidente do CEPERS Sindicato será agraciada na categoria Promoção e Participação Política da Mulher. Formada em Letras pela Faculdade Dom Bosco, de Santa Rosa, foi vice-diretora e diretora do 23º Núcleo (Livramento), secretária de formação da CUT estadual. Está em seu segundo mandato à frente do CEPERS. A luta pela defesa do ensino público de qualidade e pelos direitos da categoria distinguem sua trajetória.

Na categoria Profissionalização e Geração de Trabalho e Renda para a Mulher, o prêmio será entregue a Ledi Oliveira Teixeira. Formada em Ciências Políticas pela ULBRA, é diretora de Qualificação Profissional e Cidadania na FASE – Fundação de Atendimento Socioeducativo desde 2008, quando implantou diversos programas voltados à profissionalização, saúde e lazer para os funcionários da fundação. Militante das causas femininas, é integrante da Federação das Mulheres Gaúchas desde 1998, onde busca a valorização, qualificação profissional e prevenção da violência contra a mulher.

A presidente da Associação Hospitalar Beneficente Santo Antônio, do município de Tenente Portela, Mirna Teresinha Kinsel Braucks, receberá o troféu na categoria Saúde da Mulher. No dia 1º de abril do ano de 2007, Mirna assumiu a gestão da Associação Hospitalar Beneficente Santo Antônio de Tenente Portela-RS, sendo a primeira e atual Presidente Voluntaria. Sob sua gestão, transformou a instituição em um dos principais hospitais do interior do estado, oferecendo 80 % de sua capacidade instalada aos pacientes do SUS.

Na categoria Atividade Comunitária em Prol da Mulher, o prêmio será concedido à Bianca Bortolucci. Presidente da Ação da Mulher Trabalhista e primeira-dama do município de Gramado, a empresária é formada em Administração Hoteleira pela Castelli Escola Superior de Hotelaria. Como primeira-dama pautou seu trabalho pela aproximação com as comunidades e pelo combate à violência contra a mulher, destacando-se a criação do gabinete móvel, campanhas do agasalho, Natal Solidário, Oficina de Projetos Sociais nos Bairros, Centro de Referência de Atendimento à Mulher e Cartório da Mulher.

A professora Carmen Ottoneli Maicá receberá o Prêmio Mulher Cidadã 2018 na categoria Mulher na Cultura. Formada em Educação Física pela UNICRUZ, também é técnica em 3ª idade e pós graduada em Supervisão Escolar. Com destacada atuação na área cultural, foi coordenadora de Cultura da 21ª CRE e integrou o Conselho Municipal de Educação e Cultura de Três Passos e da Rota Yucumã. Trabalhou no projeto Agente Jovem de Três Passos e organizou parcerias entre a SMECS, entidades, escolas, sindicatos, 21ª CRE, 20 R.T, Lions e outras. Participou da 1ª Cavalgada Feminina e Caravana da Cultura do Rio Grande do Sul, do 1º Seminário da Cultura Gaúcha e trabalhou na área de pesquisa com a escritora Lilian Argentina “A Gaita no Sul” e causos.

Publicado por: Vanderlei Silva - Jornalista - Mtb. 13.349

Fonte: Rádio Encruzilhadense/Agência de Notícias da ALRS