26.07.2016
Tribunais de Contas lançam mapa de monitoramento da educação no País


O acesso à educação básica foi tema do mapeamento nacional realizado pela Associação dos Tribunais de Contas (Atricon) e pelo Instituto Rui Barbosa (IRB). O levantamento expôs a dificuldade dos 26 Estados brasileiros e do Distrito Federal de alcançarem metas do Plano Nacional de Educação (PNE).

A pesquisa foi realizada por um grupo de trabalho composto por membros das entidades responsáveis, com base em dados de 2014. O levantamento analisou o cumprimento de dois objetivos do PNE vinculados diretamente ao ensino básico: a meta 1, sobre o acesso à pré-escola, e a meta 3, sobre a universalização do acesso ao ensino médio. O coordenador do trabalho, conselheiro do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul (TCE-RS) Cezar Miola, destaca que a intenção é analisar o que os municípios e os estados brasileiros vêm fazendo para melhorar seus índices, além de oferecer subsídios para que a gestão da educação possa ser otimizada.

O PNE foi sancionado em 2014 e tem vigência de 10 anos. Entretanto, prevê o cumprimento até o final deste ano das duas metas mencionadas.


Publicado por: Vanderlei Silva - Jornalista - Mtb. 13.349

Fonte: Rádio Encruzilhadense/Assessoria de Comunicação Social - TCE-RS