27.06.2016
Consulta Popular: propostas priorizam o meio rural
As cédulas de votação para a escolha das prioridades na Consulta Popular deste ano na região terão dez propostas direcionadas basicamente ao desenvolvimento rural. A conciliação das indicações ocorridas durante as assembleias microrregionais no Centro-Serra e Baixo Vale durante a reunião ampliada do Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Rio Pardo (Corede/VRP), no campus da sede da Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC). Os eleitores definirão as demandas que serão contempladas com recursos do orçamento do Estado no próximo ano, entre os dias 5 e 7 de julho.

A região receberá em 2017 a destinação de R$ 1,862 milhão para atender aos projetos eleitos, com a queda de 20% com relação a 2016. Neste ano, não há propostas de votação para as áreas da educação, saúde e segurança pública, que nas consultas anteriores, sempre mobilizaram maior número de eleitores. No entanto, o presidente do Corede/VRP, Heitor Petry, destaca que a principal matriz econômica da região ainda é a agricultura. “Existe a necessidade de levar à população urbana esta conscientização pois os recursos irão beneficiar também a cidade”, explica.

Outro desafio será garantir a participação dos eleitores no processo mesmo sem votação em cédulas de papel. Nos dias 5 e 6 de julho haverá eleição pelo sistema off-line, em dispositivos móveis sem acesso direto ao sistema de comunicações da Consulta Popular, com aplicativo próprio desenvolvido pela Companhia de Processamento de Dados do Estado do Rio Grande do Sul (Procergs). A transferência dos dados à Secretária do Planejamento, Mobilidade e Desenvolvimento Regional (Seplan) ocorrerá no dia 7. A votação no sistema on-line terá um dia a mais, das 7 horas do dia 5 até as 23h59min de 7 de julho, com acesso pelo site www.consultapopular.rs.gov.br

Cada eleitor este ano vota em apenas uma proposta constante na célula. Entre as dez demandas, as quatro que obtiveram o maior número de votos serão contempladas com recursos do orçamento do próximo ano. O valor total disponibilizado para a região será partilhado em partes iguais, com 25% para cada prioridade eleita.

Com o objetivo de garantir o percentual mínimo de votos por demanda, os participantes da assembleia do Corede também definiram nessa sexta-feira quatro demandas preferenciais para votação. As indicações foram para apoio ao desenvolvimento da produção leiteira e da pecuária familiar, arranjos Produtivos Locais (APLs); correção, recuperação e manutenção do solo; e apoio à agroindústria.

FIQUE ATENTO: Para que o município possa receber os recursos referentes aos programas, é preciso que pelo menos 5% dos eleitores participe da votação. E mais: também é necessário que o município chegue a 3% do percentual de votos na respectiva demanda em âmbito regional.

CAMPANHA LOCAL VAI PRIORIZAR VOTAÇÃO POR MENSAGEM

A secretaria municipal de Indústria e Comércio, Nádia Nunes Soares e o assessor Alex Carvalho Corrêa estiveram reunidos, semana passada, juntamente com o assessor da Secretaria Estadual de Planejamento, o encruzilhadense Fábio Campos, com representantes das escolas da rede estadual e Emater, organizando a votação da Consulta Popular. Esta semana a reunião será com diretores da rede municipal. A recomendação é que os eleitores votem nos dois primeiros programas. Além da votação pelo sistema off-line e pelo site www.consultapopular.rs.gov.br, também é possível votar por mensagem de celular. A campanha local vai priorizar este sistema que funciona da seguinte maneira:

1)A Seplan vai disponibilizar um número para receber as mensagens

2)O cidadão envia mensagem com as seguintes informações:
a)Digita a palavra vota
b)Digita o número do seu título de eleitor
c)Digita o número do programa de sua escolha

3)Entre uma informação e outra, deve-se digitar um separador, neste caso, vamos usar o “jogo da velha” - #
Exemplo: (vota#999999999#1), ou seja, identificador#número do título# número do programa.


Publicado por: Vanderlei Silva - Jornalista - Mtb. 13.349

Fonte: Rádio Encruzilhadense/Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Encruzilhada do Sul