17.04.2015
Prefeita reafirma compromisso de buscar solução para universitários
A prefeita de Encruzilhada do Sul, Laíse de Souza Krusser, reforçou nesta sexta-feira o compromisso de buscar uma solução para o transporte dos universitários que residem no município e se deslocam para estudar em Santa Cruz do Sul e Cachoeira do Sul. Ao mesmo tempo, a chefe do Executivo se mostrou preocupada com a repercussão do caso, incluindo ameaças contra seus familiares.

Os estudantes reclamam da suspensão do subsídio que era repassado pelo Executivo aos universitários, o que acabou aumentando a passagem diária de R$ 15,00 para R$ 23,00 nos ônibus que fazem o transporte até as instituições de ensino. Segundo a prefeita, a Prefeitura foi obrigada a tomar a medida por questões legais e financeiras. “Fomos forçados a cortar investimentos em vários setores, e não apenas nesse, por conta da redução do repasse de verbas do Estado e União aos municípios”, afirma.

Além disso, o Executivo é formalmente cobrado a investir recursos no ensino fundamental, que é de competência dos municípios. A terceira questão é o dispositivo do passe livre, destinado pelo Estado inclusive aos universitários, e que segundo a prefeita impede legalmente a Prefeitura de aplicar recursos na mesma finalidade.

Contudo, garante que estão sendo tomadas medidas para reverter a situação. “Estamos ao lado dos estudantes e em nenhum momento fechamos as portas para a continuidade do subsídio. Pelo contrário. Estamos buscando todas as alternativas possíveis para retomar esse auxílio que é, sim, importante para muitos encruzilhadenses. Eu mesma já contei com o benefício e sei o quanto ele faz diferença”, ressalta.

No início da semana, foi criada uma comissão composta por representantes da Prefeitura, Câmara de Vereadores e Centro dos Estudantes Universitários de Encruzilhada do Sul (Ceue) para analisar o tema. Mesmo assim, enquanto o Município trabalha em uma solução, a repercussão do caso especialmente através das redes sociais têm deixado o governo em alerta pela agressividade de algumas mensagens.



AMEAÇAS

Nesta sexta-feira, a Polícia Civil registrou ocorrência por conta de ameaças contra familiares da prefeita através de mensagens publicadas em um grupo de mensagens instantâneas na internet. Em um dos comentários, uma usuária sugere que os universitários sequestrem os filhos da prefeita e exijam resgate. A polícia deve abrir inquérito para investigar o caso. “Mesmo que se trate de uma brincadeira de mau gosto, são afirmações no mínimo irresponsáveis, desrespeitosas e passíveis de penalização. Nos preocupa no sentido de não saber até que ponto podem chegar estes atos, mesmo após reafirmarmos o compromisso de buscar uma alternativa viável para todos”, concluiu Laíse.

A prefeita ainda destacou a preocupação com o tom político que algumas pessoas têm dado ao caso, sendo que a comissão criada entre os órgãos públicos e estudantes está engajada em solucionar o problema. “Buscamos uma solução para que os universitários não sejam prejudicados e ao mesmo tempo o Orçamento não seja comprometido em outras áreas também importantes. Entendo e concordo com a insatisfação, mas lamento que haja pessoas tentando desvirtuar a situação com informações que fogem da verdade.”


Publicado por: Vanderlei Silva - Jornalista - Mtb. 13.349

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Encruzilhada do Sul