15.04.2015
Sartori é empossado na presidência do Codesul
O governador José Ivo Sartori foi empossado, nesta quarta-feira (15), na presidência do Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul (Codesul) para a gestão de 2015, em cerimônia em Campo Grande (MS). A solenidade ocorreu no Espaço Yotedy, reunindo os governadores Raimundo Colombo, de Santa Catarina; Beto Richa, do Paraná; e Reinaldo Azambuja, do Mato Grosso do Sul.

No ato, Sartori disse que o momento é de esgotamento nos aspectos financeiro, político e social e de práticas de modelo e representatividade. \"O Brasil vive uma grave crise econômica, e os estados não estão alheios a tal situação. Dezessete estados, mais o Distrito Federal, fecharam as contas no vermelho em 2014\", enfatizou.
Conforme o governador gaúcho, o déficit acumulado desses 17 estados soma R$ 13 bilhões. \"A crise não é de um, nem de outro. É de todos, da maioria. E por isso precisa ser enfrentada com união\", reforçou Sartori.

De acordo com o governador, é necessário um novo pacto federativo, pois estados e municípios viram suas responsabilidades aumentarem, enquanto os repasses de recursos federais só vêm caindo. \"A verba não pode ficar concentrada em Brasília.
Precisa chegar aos estados, às cidades, onde a vida acontece\", disse Sartori. \"É lá na ponta que o recurso do imposto precisa trazer resultado, especialmente na melhora da vida do cidadão\", completou, lembrando que prefeitos e governadores precisam de mais autonomia para investir, por conhecerem a realidade dos estados e os anseios das comunidades.

Comissões do Codesul - No ato de posse, o governador nomeou os secretários estaduais Ernani Polo (Agricultura) para a Comissão Permanente de Agricultura do Codesul; Fabio Branco (Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia) para coordenar as comissões Permanente de APLs - Arranjos Produtivos Locais - e a Comissão de Ciência, Tecnologia e Inovação; Euzébio Fernando Ruschel (procurador-geral do Estado) para a Comissão Permanente de Assuntos Jurídicos; Victor Hugo Alves da Silva para a Comissão Permanente da Cultura; tenente-coronel Everton Oltramari, chefe da Casa Militar, para a Comissão Permanente da Defesa Civil; Pedro Westphalen (Transportes e Mobilidade) para a Comissão Permanente de Integração Ferroviária do Sul; Ana Pellini (Ambiente e Desenvolvimento Sustentável) para a Comissão Permanente de Meio Ambiente; César Faccioli (Justiça e Direitos Humanos) para coordenar as comissões de Políticas para as Mulheres e a Comissão Permanente de Assuntos Indígenas; João Gabbardo dos Reis (Saúde) na coordenação da Comissão Permanente de Saúde; Wantuir Jacini (Segurança Pública) para a Comissão Permanente de Segurança Pública; e Juvir Costella (Turismo) para coordenar a Comissão Permanente do Codesul - Turismo Brasil Sul. O ex-vice-governador Vicente Bogo, secretário executivo do Codesul, será o coordenador permanente de Assuntos Internacionais.

O Codesul - A presidência do Conselho é rotativa. Cada um dos governadores dos estados integrantes assume o mandato por um ano. O Codesul tem como objetivo encontrar alternativas aos desequilíbrios regionais, coordenar e potencializar temas importantes para o desenvolvimento dos quatro Estados-Membros. Foi criado em 1961, por meio de um convênio entre Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Em 1992, o Estado de Mato Grosso do Sul também passou a fazer parte.



Publicado por: Vanderlei Silva - Jornalista - Mtb. 13.349

Fonte: Palácio Piratini/Coordenação de Comunicação