02.12.2014
PEQ e Modelo de Gestão foram tema de palestra
Divulgação


O Núcleo Regional de Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) do Vale do Rio Pardo realizou no dia 25 de novembro o 1º Seminário de Mobilização, Mostra de Boas Práticas e Oficinas de Capacitação para a Municipalização dos ODM no Rio Grande do Sul, no Memorial da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc). As atividades realizaram-se em outras cinco cidades gaúchas ao longo da semana com o apoio dos diversos parceiros, para a sensibilização da população e a formação e capacitação de lideranças locais e regionais, que seguirão desenvolvendo o trabalho de divulgação e engajamento em favor das Metas do Milênio.

O público alvo do encontro em Santa Cruz do Sul foram gestores públicos, secretários, conselheiros municipais e líderes que atuam nas áreas de assistência social, educação, direitos humanos, saúde, meio ambiente, desenvolvimento econômico, empresas e terceiro setor.

Oito Prefeituras da região foram convidadas para apresentação de casos de boas práticas adotadas por cada uma e que estão contribuindo para o alcance dos ODMs nestes municípios: Encruzilhada do Sul, Vale do Sol, Passo do Sobrado,Candelária, Rio Pardo, Vera Cruz, Herveiras e Santa Cruz do Sul.
O QUE SÃO OS ODMs? Na Declaração do Milênio das Nações Unidas no ano de 2000 e com a adesão de 191 países, foram definidos oito Objetivos do Milênio, integrados por um conjunto de metas e indicadores, que os países se propuseram a alcançar até 2015.

São eles:
- Acabar com a fome e a miséria
- Educação básica de qualidade para todos
- Igualdade entre sexos e valorização da mulher
- Reduzir a mortalidade infantil
- Melhorar a saúde das gestantes
- Combater a Aids, a malária e outras doenças
- Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente
- Todo mundo trabalhando para o desenvolvimento

Saiba mais acessando: www.portalodm.com.br
Os núcleos estaduais, regionais e municipais são instâncias estratégicas para que os ODMs sejam alcançados até 2015. Tratam-se de fóruns articuladores do processo de municipalização no âmbito das respectivas regiões do Estado. O objetivo final é levar os ODMs aos municípios, como proposta de política pública e ações que podem ser desenvolvidas pelas organizações sociais.

O EXEMPLO DE ENCRUZILHADA DO SUL
A prefeita Laíse de Souza Krusser foi convidada para mostrar no Seminário, como exemplo positivo, o modelo de gestão que adotou, simbolizado pelo PEQ (Programa Encruzilhadense de Qualidade) e respectivo mapa estratégico de gestão.
Ela iniciou a palestra recordando ter encontrado, ao assumir a função, uma Prefeitura com orçamento anual em torno de R$ 41 milhões e cerca de R$ 13 milhões de dívidas. Com um orçamento baixo em função das necessidades e dívida em grandes proporções, foi preciso apertar o cinto e contar com o empenho e colaboração dos funcionários. Só depois de pagar as dívidas deixadas pela Administração anterior foi possível iniciar o trabalho que já teve resultados positivos tais como o pagamento do piso ao magistério e a recuperação salarial de parte do funcionalismo público que tinha como base menos de um salário mínimo mensal.

Já o PEQ foi criado através da lei número 3.325 de 26 de novembro de 2013. “É uma ação inovadora com objetivos que raramente são adotados na área pública, eis que altera métodos de trabalho e tem como meta, tanto a melhoria interna do trabalho dos funcionários do município, como a prestação de serviços à comunidade em geral”, explicou a prefeita Laíse. Através do PEQ as Secretarias estruturaram suas atividades através de quatro grandes eixos: Gestão, Social, Econômico-Urbano e Ambiental.

Confira as práticas dos outros municípios da região apresentados no Seminário:

Vale do Sol: Arranjo Produtivo Local e Programa de Aquisição de Alimentos
Passo do Sobrado: a emancipação econômica e social da Associação Mulheres Guerreiras a partir da diversificação
Candelária: Horto Medicinal Comunitário Bairro Marlene
Rio Pardo: projeto Recicla Rio Pardo – Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis de Rio Pardo (Cocamarp)
Vera Cruz – água – investimento e conscientização para a conservação
Herveiras: todos engajados por uma educação com práticas preventivas, desenvolvimento integral e qualidade de vida.
Santa Cruz do Sul: Banco do Povo SCS


Publicado por: Vanderlei Silva - Jornalista - Mtb. 13.349

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Encruzilhada do Sul